sábado, 23 de julho de 2016

TERROR COM BOMBAS FALSAS SE ESPALHA PELA CIDADE OLÍMPICA - IMAGENS DE BOMBA NO MÉIER

ESQUADRÃO ANTI-BOMBA JÁ FOI ACIONADO CINCO VEZES NOS ÚLTIMOS SETE DIAS
No Méier - BOMBA FALSA. 

De simples suspeitas que se mostraram infundadas, a outras em que ficou caracterizado que, a pessoa que abandonou o PACOTE/MOCHILA, tinha a intenção de causar PÂNICO e de obrigar o acionamento de autoridades policiais.

O último dos casos ocorreu na noite de ontem. A Polícia Militar interditou nos dois sentidos a Avenida Maracanã, na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro. A região é próxima do MARACANÃ.

Por volta das 22:00 horas o esquadrão Antibombas foi acionado para inspecionar uma mochila abandonada no local. Os agentes não encontraram explosivos na bolsa. 

O caso mais GRAVE até agora, e que está sendo de fato investigado pelas autoridades, pois extrapolou ao simples comunicado e se caracterizou como uma REAL INTENÇÃO DE CAUSAR PÂNICO E AMEAÇA, ocorreu na Rua Dias da Cruz, Méier, também na Zona Norte da Cidade. 

Um simulacro de bomba, que possuía circuito com fios, bateria e até um LED, mas sem carga explosiva, foi abandonado nas proximidades da Praça Agripino Grieco. Quem se deparou com o objeto foram os GARIS da Comlurb e funcionários da RIO-LUZ. 

A PM foi acionada e o esquadrão ANTI-BOMBA esteve no local, (TRÊS HORAS DEPOIS DE ACIONADO) sendo necessário explodir o ARTEFATO. Quem produziu a FALSA BOMBA tem no mínimo noção de como elas são armadas. Imagens de câmeras estão sendo analisadas para tentar localizar o autor do FALSO ATENTADO.

OUTROS CASOS

Uma mochila foi abandonada em Botafogo, na Zona Sul do Rio. A Rua Voluntários da Pátria, na altura da Rua Camuirano, foi interditada para a ação dos agentes do Esquadrão ANTI-Bombas. Os agentes descartaram a presença de bombas.

Rua Mário Ribeiro, na Gávea, Zona Sul da cidade. Os agentes do Esquadrão não chegaram a ir ao local e dentro da sacola havia somente roupas velhas.

Quarta-feira, dia 20/07 - suspeita de bomba na Avenida Embaixador Abelardo Bueno, perto da passarela do Rio 2. Área de eventos dos Jogos Olímpicos, deve ser a ocorrência atendida pela Polícia Federal. O Grupo de Bomba e Explosivos (GBE), da Polícia Federal foi ao local e o alarme era falso.

BRINCANDO COM FOGO

Abandonar MOCHILAS ou PACOTES com intuito de CAUSAR PÂNICO, AMEAÇAR ou OBRIGAR MOBILIZAÇÃO DESNECESSÁRIA DE FORÇAS DE SEGURANÇA, pode causar sérios embaraços para os AUTORES. Se identificados vão responder a processo, e dependendo do GRAU da ameaça, podem ir parar num PRESÍDIO DE SEGURANÇA MÁXIMA por longo período.

As Matérias mais lidas da SEMANA