sexta-feira, 1 de julho de 2016

EQUIPAMENTOS ROUBADOS DE TVs DA ALEMANHA SÃO RECUPERADOS PELA POLÍCIA DO RIO DE JANEIRO

MOTORISTA DA CARRETA FOI ABORDADO NA AVENIDA BRASIL E OBRIGADO A DESVIAR DE SUA ROTA QUE ERA O PARQUE OLÍMPICO NA BARRA DA TIJUCA.


O equipamento de duas emissoras de TV alemã - ARD e GDF - 
que foi roubado na Avenida Brasil, na altura da Penha, na tarde de hoje - sexta-feira 01/07 — acaba de ser recuperado por Policiais militares do Serviço Reservado do 34º BPM (Magé) e outras unidade da PM e da Polícia Civil. 

Numa ação conjunta, eles foram até o bairro de Mauá, Magé, na Baixada Fluminense, e localizaram em um galpão os contêineres com equipamentos de transmissão de TV. 

Não se tem ainda a informação se ocorreram prisões. O registro da ocorrência é de responsabilidade da 66ª DP (Piabetá). 

Os objetos das emissoras da Alemanha estavam dentro de dois contêineres quando foram levados por criminosos, que abordaram o motorista e o obrigaram a desviar a carreta para um galpão próximo ao local. 

Primeiramente a carreta foi encontrado sem as cargas pela polícia no bairro de Jardim Anhangá, em Duque de Caxias. 

Lamentável que nossas autoridades não tenham até agora colocado em prática o esquema de segurança para o EVENTO. Já estão na cidade, assim como as equipes alemãs que irão transmitir as Olimpíadas para o seu país, outras equipes de emissoras, atletas, agentes de viagem, ou seja, a necessidade de REFORÇAR A SEGURANÇA já é um fato, e já deveria estar ocorrendo.

Ao menos nos corredores viários - AVENIDA BRASIL - LINHA VERMELHA - LINHA AMARELA - AVENIDA DAS AMÉRICAS - AVENIDA PRESIDENTE VARGAS - AVENIDA FRANCISCO BICALHO - CERCANIAS DO MARACANÃ - CERCANIAS DO ENGENHÃO - AEROPORTO DO GALEÃO - AEROPORTO SANTOS DUMONT - RODOVIÁRIA NOVO RIO - já deveríamos ter POLICIAMENTO ESPECIAL, mas...preferem passar VERGONHA, preferem passar ATESTADO DE INCOMPETÊNCIA.

Menos MAL que a carga foi recuperada, mas isso só diminui um pouquinho a péssima repercussão que o episódio vai ter no mundo todo. Poderíamos e deveríamos ter evitado esse absurdo.

As Matérias mais lidas da SEMANA