domingo, 19 de junho de 2016

INVASÃO DO HOSPITAL SOUZA AGUIAR ACABA COM UM MORTO E DOIS FERIDOS - TERROR NA EMERGÊNCIA

O preso sob custódia que foi resgatado


BANDO COMPOSTO POR APROXIMADAMENTE 20 CRIMINOSOS ESTAVA FORTEMENTE ARMADO. POLICIAIS QUE TRABALHAVAM NA CUSTÓDIA DO TRAFICANTE "FAT FAMILY", QUE FOI RESGATADO, NÃO TIVERAM COMO REAGIR, E SE ESCONDERAM ENQUANTO AGUARDAVAM REFORÇO.

UM PACIENTE QUE CHEGAVA PARA SER ATENDIDO FOI MORTO NA TROCA DE TIROS ENTRE O AMIGO POLICIAL QUE O SOCORRIA E OS CRIMINOSOS. UM AUXILIAR DE ENFERMAGEM QUE TENTAVA TRANSPORTAR O PACIENTE TAMBÉM FOI GRAVEMENTE FERIDO.

   Cenas de TERROR - PÂNICO e incredulidade.  

Na MADRUGADA de HOJE - 19/06/2016 - um BANDO de aproximadamente 20 traficantes, utilizando motos e carros, e portando armamento pesado, incluindo GRANADAS, invadiu o HOSPITAL MUNICIPAL SOUZA AGUIAR, situado no CENTRO da Cidade do Rio de Janeiro. 



Considerada a maior EMERGÊNCIA da América do Sul, a Unidade hospitalar fica próxima do QUARTEL CENTRAL DO CORPO DE BOMBEIROS, de uma UNIDADE DO EXÉRCITO - O Comando Militar do Leste, e da Sede da Secretaria de Segurança Pública. A 6a. Delegacia Policial também está a poucos metros do local.

Os criminosos SE DIVIDIRAM EM DOIS GRUPOS e renderam funcionários e vigilantes patrimoniais, se dirigiram ao 6o. ANDAR do prédio principal, onde no SERVIÇO de ORTOPEDIA, o traficante Nicolas L. P. de J., de 28 anos, vulgo Fat Family, estava preso sob custódia, algemado no LEITO. Os bandidos usaram um alicate para cortar as algemas. 

A Polícia já tem alguns suspeitos de fornecer informações privilegiadas aos criminosos, que tinham um plano muito bem montado e conheciam o local.

Dois PMs que faziam a custódia do preso, (Um deles é o sargento Fábio M.) ao avistar a invasão do BANDO, conseguiram sair pela escada e se proteger, evitando um CONFRONTO que poderia ter consequências imprevisíveis.

A mesma sorte ou cautela não teve o PM Fábio F. da S. que levava um amigo para ser atendido no hospital. Não se sabe ainda como, mas o PM trocou tiros com os criminosos. Ele acabou baleado e foi operado. Seu amigo, Ronaldo Luiz M. também foi baleado e não resistiu. O auxiliar de enfermagem Júlio César dos Santos Basílio que dava início ao atendimento do oficial morto também foi baleado.

Os criminosos fugiram levando "Nicolas - Fat" que é nesse momento quem controla o tráfico de drogas na região do CATETE.

A Delegacia de Homicídios investiga o caso, buscando identificar todos os criminosos que participaram da ação. A Secretaria de Segurança e o Comando da Polícia Militar estão reunidos para traçar uma ação conjunta que dê resposta imediata e à altura, a ousadia dos bandidos.

Notícia não confirmada - E QUEREMOS CRER QUE IMPROCEDENTE - diz que a SSP tinha conhecimento de que a tentativa de resgate ocorreria. Se verdadeiro, fica a pergunta: Qual o motivo de não ter reforçado a segurança no local, para inclusive, desestimular a investida dos criminosos ? Teria sido evitado a fuga do bandido e vidas seriam poupadas. Com a palavra a SSP / PM RJ

As Matérias mais lidas da SEMANA