sexta-feira, 25 de março de 2016

PM É BALEADO E MORTO NA CIDADE DE DEUS - TRÁFICO FAZ DE COMUNIDADES UM INFERNO !


O Soldado da Polícia Militar, Rodrigo Sumar, de 36 anos, é mais um PM que acaba vítima de traficantes que ainda ocupam Comunidades ditas PACIFICADAS na Cidade do Rio de Janeiro. O policial morreu na noite de ontem - 24/03 - após ser baleado na cabeça, na Cidade de Deus - Zona Oeste - da Cidade do Rio de Janeiro. 

Segundo informação do Comando da Unidade de Polícia Pacificadora, o policial foi atingido durante um Patrulhamento de rotina 
junto com outros policiais na região do Bar da Índia, na localidade das Quadras. 

O ataque dos criminosos ocorreu por volta das 22h. Ninguém foi preso.

Socorrido e levado ao Hospital Municipal Miguel Couto - Zona Sul - ele não resistiu não resistiu e foi a óbito.

Rodrigo Sumar, era PM desde 2010, casado e deixa uma filha. 

quarta-feira, 16 de março de 2016

INSEGURANÇA PÚBLICA E PROMESSAS NUNCA CUMPRIDAS - BELTRAME PROMETE MAIS POLÍCIA NAS RUAS


Segundo matéria publicada pelo Jornal O Dia, o secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, teria afirmado ontem, terça-feira - 15/03/2016 - que reforçará o policiamento das ruas com PMs do setor administrativo.

Segundo o Secretário, além de deslocar PMs do setor administrativo para as ruas, que vão de forma intercalada, "cumprir uma cota de seu turno de trabalho no policiamento de rua”, serão usados ainda policiais que atuam na segurança de eventos, como os Gepe, para reforçar o patrulhamento. 

Quanto ao GEPE é até bastante fácil de compreender a medida, pois, devido ao fechamento do MARACANÃ e do ENGENHÃO os jogos de futebol de maior público, estão sendo, em grande número, realizados fora do Rio de Janeiro.

Ainda segundo a matéria do Jornal, "Levantamento da Comissão da Transparência da Assembleia Legislativa (Alerj), em relação aos efetivos de todos os setores da PM, apontou que 4.293 policiais, espalhados por vários setores da administração, estão longe das ruas. Apenas a Diretoria Geral de Pessoal tem 2.722 agentes".

O PROBLEMA DESTES DESVIADOS DE FUNÇÃO E LONGE DAS RUAS, ONDE DEVERIAM ESTAR ATUANDO PARA GARANTIR A SEGURANÇA DE TODOS, E NÃO DESTACADOS DE FORMA ESPECIAL E PRIVILEGIADA PARA GARANTIR A SEGURANÇA DE ALGUNS, E ANTIGO, E NUNCA RESOLVIDO.

Vira e mexe, o Secretário Beltrame anuncia tais medidas, mas, na prática elas nunca se materializam. Infelizmente, em que pese a necessidade de melhorar o policiamento, e ainda que se acredite na sinceridade e vontade do secretário, nada indica que de fato as coisas mudem.

Quanto à questão dos menores que praticam crimes e logo voltam às ruas, para reincidirem nos mesmos crimes e nos mesmos locais, tal problema só será resolvido no dia em que houver vontade política para isso. 

Quando governo federal, estadual, municipal, com todo o seu aparato de segurança e social se mobilizar, apoiado pela JUSTIÇA, implantando uma política de acolhimento e punição, apoio e responsabilização de pais e seus filhos, além de identificação e dura repressão aos receptadores de jóias e celulares, a coisa vai melhorar e muito. O cidadão terá mais segurança e os jovens infratores uma oportunidade de recuperação verdadeira.

Até que isso aconteça, SALVE-SE QUEM PUDER !


quinta-feira, 10 de março de 2016

EXECUTADO O DIRETOR DO HOSPITAL DA POSSE - 11 TIROS - CRIME FOI NA BAIXADA FLUMINENSE

Foto divulgação Internet

Fernando de Oliveira Magalhães, Diretor financeiro do Hospital Geral de Nova Iguaçu, também conhecido como Hospital da Posse, na Baixada Fluminense foi assassinado na tarde / noite desta quinta-feira, no Bairro CAONZE, quando chegava à sede do CENTRO ESPÍRITA FRATERNIDADE IRMÃ SCHEILA.

Abordado por criminosos quando descia de seu veículo, Fernando de Oliveira foi alvo de uma execução covarde, levando 11 tiros a queima roupa, alguns deles no rosto.

A tese de execução se robustece pelo elevado número de tiros disparados contra a vítima, que não teve nem o carro ou qualquer pertence roubado.

A DELEGACIA DE HOMICÍDIOS DA BAIXADA FLUMINENSE já iniciou as investigações.


Frequentadores do Centro Espírita Fraternidade ficaram chocados com a brutalidade do crime, e disseram que Fernando era um antigo colaborador e trabalhador da Instituição religiosa.

segunda-feira, 7 de março de 2016

DINÁ TERROR ESTÁ MORTO - "SENHOR DAS GUERRA" PERDE ÚLTIMA BATALHA PARA A CORE

QUEM ENVEREDA PELO CAMINHO DO CRIME JÁ SABE QUE...
...OU É PRESO OU MORRE EM CONFRONTO COM A POLÍCIA.

O traficante Douglas Donato Pereira, conhecido como o Diná Terror e Senhor das guerras, e considerado um dos mais sanguinário e violento criminoso do momento, foi baleado e morto durante operação da CORE - Coordenadoria de Recursos Especiais, que na manhã desta segunda-feira, foi ao Morro Faz Quem Quer, em Rocha Miranda, na Zona Norte do Rio. tentou prender o criminoso que reagiu e foi morto.

De acordo com a Polícia, ele estava em uma casa na Rua Apeíba, de posse de uma pistola Glock 9mm com kit rajada. DINÁ resistiu à prisão e acabou baleado e morto. 

A guerra acabou para ele.

As Matérias mais lidas da SEMANA