domingo, 26 de julho de 2015

BEIRA-MAR - FERNANDINHO CONTINUA PRESO EM RONDÔNIA

FOTO: AG.-IMAGEM-NEWS - INTERNET

POR MAIS UMA ANO PELO MENOS NO PRESÍDIO DE SEGURANÇA MÁXIMA - NO MEIO DA FLORESTA

Luís Fernando da Costa, o traficante conhecido como Fernandinho Beira-Mar, ficará mais um ano no Presídio Federal de SEGURANÇA MÁXIMA de Porto Velho, em Rondônia.

O juiz Eduardo Perez Oberg , da Vara de Execuções Penais do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, deferiu o pedido da Secretaria Estadual de Segurança, que considera PRIORIDADE MÁXIMA manter, além de BEIRA-MAR, outros TRAFICANTES PERIGOSOS e ligados às diversas FACÇÕES, longe dos Presídios do Rio de Janeiro.

Saiba mais sobre o traficante:


Luiz Fernando da Costa, mais conhecido como Fernandinho Beira-Mar (Duque de Caxias, 4 de julho de 1967), é um criminoso brasileiro, da organização criminosa xx.

É considerado um dos piores traficantes de armas e drogas.


Fernandinho Beira-Mar foi criado na Favela Beira-Mar, em Duque de Caxias.

Aos 20 anos, Fernandinho foi preso por assalto e condenado a dois anos de prisão. Chegou a furtar armas pesadas do Exército e de vendê-las para traficantes do Rio. Cumpriu a pena e, ao sair, voltou a morar na Favela Beira-Mar. Ali, aos 22 anos, tornou-se um dos "cabeças" do tráfico local.

Para fugir aos cercos da policia local decidiu se refugiar no Paraguai com seu principal fornecedor de maconha já com o intuito de dominar a distribuição de drogas Fernandinho Beira-Mar providenciou uma festa e chamou parentes e aliados do Rio de Janeiro

A polícia por sua vez fez um cerco para prende-lo mas ele escapou e por se sentir traído por seus aliados ordenou mortes e assumiu a distribuição de drogas local, fugiu para o Uruguai, como não tinha muitos recursos ele se aliou com as Farc na Colômbia para estudar como unir facções mas foi preso pelo exército Colombiano e foi deportado para o Brasil.

No Presidio conseguiu adquirir pistolas automáticas (glock) dentro da penitenciária Bangu I e executou o desafeto UÊ, líder do Terceiro Comando, que tinha recusado unir as facções para se por contra o estado o que inspirou a cena no começo do filme Tropa de Elite 2. Está preso desde o ano de 2002. Desde aquela data até 2008 foi sendo transferido constantemente, de presídio em presídio, devido ao fim do regime especial de prisão e de decisões da justiça. Atualmente cumpre pena na Penitenciária Federal de Segurança Máxima de RONDÔNIA.

Fonte: WIKIPÉDIA - Com alterações feitas por nós

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA