sexta-feira, 25 de julho de 2014

CORPO DE ELIZA SAMUDIO NÃO É ENCONTRADO PELA POLÍCIA DE MINAS


Delegado determina encerramento das buscas por restos mortais de Eliza Samudio

Trabalho foi retomado pela polícia, nesta manhã, sob forte chuva que caía em Belo Horizonte, após depoimento de primo do goleiro Bruno
ADRIANA CRUZ

Rio - Após retomar, na manhã desta sexta-feira, as buscas pelos restos mortais de Eliza Samudio, o delegado Wagner Pinto, chefe do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DIHPP) de Minas Gerais, determinou o encerramento dos trabalhos. Pinto dará uma coletiva ainda nesta tarde para anunciar o resultado. 

A polícia local recomeçou as buscas nesta manhã, sob forte chuva que caía em Belo Horizonte, após o primo do goleiro Bruno, Jorge Luiz Rosa Sales, ter relatado onde a modelo estaria enterrada. Cerca de 30 agentes do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa, com apoio da Polícia Militar (MG), começaram a operação por volta das 10h30, no bairro Santa Clara, em Vespasiano, Região Metropolitana de BH. Jorge Luiz também esteve no local ao lado de seu advogado, Nélio Andrade, e de todos os delegados que participaram do caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA