segunda-feira, 5 de agosto de 2013

CRIANÇA MORRE ATROPELADA NA ILHA DO GOVERNADOR E MOTORISTA É LINCHADO POR POPULARES

TRAGÉDIA NA ILHA DO GOVERNADOR COM LANCES DE BARBÁRIE


A dor da mãe do menino, a dor de uma família e de amigos. O trânsito e a falta de responsabilidade e humanidade, continuam sendo, infelizmente, causa de muito sofrimento.

Um menino de apenas cinco anos morreu ao ser atropelado na calçada por um motorista que perdeu o controle do carro que dirigia tentando fugir de um outro acidente de trânsito em que havia se envolvido pouco antes. A criança, que estava ao lado da mãe, não resistiu aos ferimentos. Populares agrediram e tentaram colocar fogo no motorista atropelador, que foi salvo pela Polícia e encaminhado a um Hospital em estado grave.

Homem é linchado após atropelar e matar criança de 5 anos na Ilha

Moradores atearam fogo no motorista depois do atropelamento. A mãe de Mateus Teixeira também foi atingida
LUISA BUSTAMANTE

Rio - Antonio Pereira dos Santos de, 33 anos, atropelou mãe e filho na Estrada do Galeão, na Ilha do Governador, por volta das 19h de sábado, quando fugia de um acidente de carro em que se envolvera momentos antes na Estrada das Canárias, no mesmo bairro. Ele dirigia um Astra quando atingiu a balconista Fabiana Cristina Fonseca Teixeira, 30, e seu filho, Mateus Teixeira Canalonga, de apenas 5 anos, que morreu no acidente. Moradores que presenciaram a tragédia tentaram linchar o motorista, ateando fogo em seu corpo.

Um comentário:

  1. É uma violência e uma brutalidade que assustam.

    Dirigir embriagado (não sei se é o caso), fugir de um local de acidente, dirigir em alta velocidade, na contra-mão, atropelar e matar alguém, uma criança...meu Deus, quanto absurdo.

    Queimar uma pessoa para lhe punir, fazer justiça pelas próprias mãos, outro absurdo.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA