quinta-feira, 6 de junho de 2013

ENFORCOU A MÃE E QUEIMOU O CORPO PARA FICAR COM UM SEGURO DE R$ 15 MIL


Foto-divulgação Internet


NAMORADO AJUDOU ADOLESCENTE A COMETER O CRIME NO CACHAMBI 

Adriana Rocha de Moura Machado de 43 anos foi encontrada morta, com seu corpo jogado num terreno baldio em Duque de Caxias. No dia anterior ela havia sido estrangulada com um golpe (mata-leão) aplicado pela própria filha de 17 anos que pratica luta marcial (Muay Thay).

A adolescente foi apreendida ONTEM, e seu namorado de 21 anos, Daniel Duarte Peixoto também está preso. Ambos são acusados de planejar e executar o crime bárbaro no último dia 25 de maio. Após enforcar a mãe e queimar o corpo, a jovem e o namorado saíram do bairro de Cachambi e jogaram o cadáver em Duque de Caxias. No dia seguinte compareceram a Delegacia para comunicar o "desaparecimento" de Adriana.

A crueldade e frieza da jovem e do namorado (ele confessou detalhadamente como o crime foi praticado) estarreceram a Polícia. A jovem alega ter cometido o crime porque a mãe reprovava seu namoro, mas, de ‘Tão fria e calculista que é' matou a mãe carbonizada e foi para o shopping”. 




Segundo a polícia a motivação para o crime foi o fato de que Adriana não aprovava o namoro da filha, em nome de quem tinha um seguro de VIDA no valor de R$ 15 MIL . Durante as investigações, inclusive com as imagens de câmeras de segurança e quebra do sigilo telefônico dos envolvidos, a Polícia descobriu a trama diabólica. A jovem e o namorado já confessaram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA