sexta-feira, 19 de outubro de 2012

VÍDEO - MAUS TRATOS CONTRA FILHA ADOTIVA MANTÉM PROCURADORA PRESA EM REGIME FECHADO

RELEMBRE O CASO E VEJA A CONFIRMAÇÃO PELA JUSTIÇA DA PENA DE 8 ANOS PARA A PROCURADORA VERA LÚCIA GOMES


Justiça mantém condenação para procuradora que agrediu filha adotiva
POR ADRIANA CRUZ

Rio - A Justiça voltou a fechar o caminho rumo à liberdade da procuradora Vera Lúcia de Sant’Anna Gomes, 68 anos.

Ela foi condenada a oito anos de prisão por torturar a filha adotiva T., de 2 anos. Mas, como O DIA publicou em setembro, os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) haviam anulado o acórdão da 4ª Câmara Criminal e a sentença da 32ª Vara Criminal em relação à pena, considerada alta.

Na nova decisão, o juiz substituto Guilherme Schilling Pollo Duarte manteve a condenação e o tempo previsto de detenção. Desta vez, o juiz explicou como o cálculo foi feito, já que a pena varia de 2 a 8 anos de prisão.

LEIA + CLICANDO AQUI

VÍDEO



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA