segunda-feira, 8 de outubro de 2012

SEPULTADO CORPO DE J. P. - O MENINO QUE ESTUDAVA NO COLÉGIO DO MOSTEIRO DE SÃO BENTO.


Respeitando a intimidade e o momento de sofrimento de familiares e amigos, nosso blog publica apenas a presente foto, onde praticamente não pode-se identificar nenhum dos presentes ao sepultamento do corpo de J. P. - 12 anos.

Entende-se que a família não queira dar entrevistas e divulgação ao caso, mas, o papel da imprensa em cobrir o fato, e o interesse da sociedade em saber o que ocorreu são perfeitamente legítimos.

LEIA + CLIQUE AQUI

O corpo de J.P, de 12 anos, aluno do Colégio São Bento que caiu de uma janela do 5º. andar da instituição no dia 28 de setembro, foi enterrado nesta segunda-feira (8). O sepultamento ocorreu no Memorial do Carmo, no Caju, zona norte do Rio de Janeiro, com a presença de cerca de 300 pessoas. 

Nenhum dos presentes no enterro quis das declarações. Chegou-se a formar um cordão de isolamento na entrada da capela, a pedido da família. Seguranças também impediam qualquer aproximação. Enquanto o caixão era levado para o sepultamento, em um andar superior do Memorial do Carmo, os familiares e amigos de colégio do menino cantavam Segura na mão de Deus, entre lágrimas e muita emoção:

http://www.jb.com.br/rio/noticias/2012/10/08/enterro-de-aluno-do-sao-bento-e-marcado-por-silencio-de-familiares-e-amigos/

3 comentários:

  1. importante pesquisar sobre abuso sexual de outros alunos com ele. Pode ter sido pressionado.

    ResponderExcluir
  2. Não acredito que esse jovem tenha se jogado dessa altura atoa, tem alguma coisa por tras desse ato triste, tem que ser investigado com máxima urgência.não deixar esfriar o caso como sempre acontece no brasil.

    ResponderExcluir
  3. Quero que a famlia tenha muita força e que não se cale enquanto não descubrir o que ocorreu de fato.é um dever moral e cívico o ESCLARECIMENTO, CHEGA DE INTERROGAÇÕES A SOCIEDADE DESEJA JUSTIÇA.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA