sábado, 18 de setembro de 2010

POLÍCIA EM ESTADO DE ALERTA – CONFRONTO NA AV BRASIL E NOVO ATAQUE NA ILHA DO GOVERNADOR.

Foto O Dia - Alexandre Brum

POLICIAL CIVIL É EXECUTADO NO MÉIER

O ataque de ontem pela manhã contra policiais militares que resultou na morte de um sargento e ferimento em um cabo, após ambos serem metralhados no bairro de Jacarepaguá, não foi a única ação dos criminosos visando atingir servidores da área de segurança pública e levar a um clima de instabilidade na Cidade do Rio de Janeiro.

No Méier, próximo à Rua Dias da Cruz, um policial civil foi executado por dois ocupantes de uma moto. No Catumbi uma patrulha da PM foi atacada durante a tarde e outra já na madrugada deste sábado, também foi alvo de tiros, que atingiram o para brisa da viatura sem, no entanto, ferir os policiais.

Ainda durante o dia de ontem, o Comando da Polícia Militar expediu um alerta para todas as suas unidades na Capital, determinando que a atenção dos policiais fosse redobrada e que em área de maior risco as viaturas circulassem em dupla. Durante a noite algumas blitz foram feitas em pontos estratégicos da cidade.

Isso não impediu que na Avenida Brasil, ocorresse um confronto entre ladrões que roubaram a moto de um militar do exército e policiais do BPVE. Um ônibus que circulava em sentido da Baixada Fluminense foi atingido por tiros e os criminosos detonaram uma granada. Ninguém ficou ferido e os criminosos fugiram.

Ações dessa natureza, ataques em série contra policiais, têm sido uma constante em períodos próximos às eleições, o que mostra um claro sentido de que o objetivo de quem os pratica, vai além de reagir contra a ação das autoridades de segurança, mas busca desacreditá-las.

A cidade está funcionando normalmente e o policiamento continua em estado de alerta.

<>

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante registro de sua visita e a expressão da sua opinião.

As Matérias mais lidas da SEMANA